• ENTRAR
  • Nenhum produto no carrinho.

Como se tornar um mediador judicial?

O que você fazia quando surgia uma briga entre seus amigos na infância? Você era aquele que tentava acalmar os ânimos ou aquele que incentivava a discussão? Se você se identificou com a primeira descrição, seu perfil combina perfeitamente com o de um mediador judicial.

A pessoa que exerce essa profissão precisa ter habilidades específicas, não somente na área jurídica como também no relacionamento interpessoal.

Se interessou pela área? Confira nesse artigo como se tornar um mediador!

Como eu posso exercer a função?

Quando você decide se tornar um mediador, aquele espírito pacificador da infância deve ser encarado de modo mais profissional. Para oferecer a melhor solução em conflitos, você poderá escolher entre duas formas de atuação: judicial ou extrajudicial.

Na primeira opção, você precisa ser graduado em direito em uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação há pelo menos dois anos. Já na segunda, você não precisa exatamente ter formação em direito, mas desenvolve a mediação fora do Judiciário como uma verdadeira empresa e, por isso, deve ser contratado pelas partes.

Vale mencionar a existência da co-mediação, sobretudo nos casos mais difíceis, em que existe mais de um mediador atuando junto às partes para a solução do conflito.

Por que a mediação judicial é importante?

Com casos acumulados por anos e anos, o mediador judicial se tornou uma peça fundamental para fazer com que a justiça seja mais rápida e eficaz. Através da intervenção da mediação judicial, um caso pode ser resolvido em 60 dias com a possibilidade de extensão do prazo se a negociação estiver próxima de ser encerrada. As partes ainda podem contratar um mediador extrajudicial e o acordo deve ser finalizado em até três meses.

Atuando como um mediador, você poderá promover uma solução mais efetiva para as partes envolvidas e ainda poderá desenvolver a mediação como uma carreira judicial ou extrajudicial.

Como posso ser um mediador?

Como o mediador é uma peça-chave no judiciário, é indispensável que os postulantes ao cargo busquem qualificação específica. Com a Lei da Mediação, promulgada em junho de 2015, ficou estabelecido que só pode ser um mediador judicial aquele que, além de graduado, tenha frequentado um curso apropriado para a função em uma unidade reconhecida pelos tribunais ou pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam).

Já para ser um mediador extrajudicial é importante desenvolver com qualidade este serviço. Portanto, como não há uma faculdade de mediação, faça cursos que realmente te habilitem nas técnicas de mediação. Além disso, saiba fazer o marketing jurídico para divulgar seus serviços.

Ser um mediador judicial é mais do que auxiliar o Judiciário, mas também garantir que a sociedade encontre suas próprias formas justas e dialogadas de solução de conflitos. É uma atividade bastante nobre! Nessa profissão, você poderá conciliar suas habilidades jurídicas diretamente com as necessidades das pessoas, sendo um advogado que realmente faz a diferença.

E aí? Você quer fazer um curso internacional de mediação com qualidade e inédito no mercado? Assine nossa newsletter e fique por dentro desse projeto!

 

Gostou do artigo? Não esqueça de comentar e compartilhar. Aproveite para conhecer a nossa Escola Internacional de Mediação em Orlando, Estados Unidos. São aulas online e presenciais no país que melhor desenvolveu a mediação no mundo. Faça parte desta nova geração de profissionais do direito de sucesso
Acesse: mediacao.institutodialogo.com.br

2

Comentários

Comentários

5 de setembro de 2016

0respostas em "Como se tornar um mediador judicial?"

Deixe sua mensagem

Instituto Diálogo

O ID é uma instituição referência no Brasil e na América Latina para o desenvolvimento de competências e habilidades dos profissionais do direito.

Contato

[email protected]

Atendimento: Seg - Sex (09h às 18h).



Endereço

BRASIL

Rua Álvaro Alvim, nº 48/408.

Centro - Rio de Janeiro - RJ

CEP: 20.031-010

EUA (Escola Internacional de Mediação)

37N Orange Ave, Suite 500.

Orlando - FL

ZIP: 32801

INSTITUTO DIALOGO BRANCATodos os Direitos Reservados © Instituto Dialogo.
Site produzido por T1site
X